Por que a transportadora calculou frete para um peso menor do que o mínimo configurado?

Logística & Estoque

VTEX Team

VTEX Team

Última atualização

O cálculo do frete sempre considera dois parâmetros, o peso e o volume do produto. A prioridade de cálculo é sempre para o peso real ou cubado – o maior entre eles. Porém, caso peso do produto seja menor do que o mínimo cadastrado para a transportadora, será considerado o volume.

Exemplos

  • Transportadora atende a faixa de peso de 30 a 100 kg e um volume máximo de 1000 m³;
  • Produto a ser entregue pesa 10 kg e tem um volume de 10m³.

Ao calcular o frete, a plataforma entenderá que a transportadora não entrega pelo peso, pois é menor do que o mínimo cadastrado (30 kg). Porém, calculará o frete considerando que o produto tem um volume menor do que o máximo cadastrado para aquela faixa de CEP. O preço do frete vai ser considerado conforme a primeira faixa de peso. Isso acontece também porque está implícito que se uma transportadora que é capaz de levar 100 kg, poderá transportar 10 kg sem problemas.

Por outro lado, se um produto tiver o peso maior do que o máximo cadastrado na transportadora, o frete não será disponibilizado ainda que que o volume seja menor do que o volume máximo cadastrado.

  • Transportadora atende a faixa de peso de 30 a 100 kg e um volume máximo de 1000 m³
  • Produto a ser entregue pesa 101 kg e tem um volume de 100m³

Nesse caso, a plataforma entenderá que pelo fato do peso do produto ser maior do que a capacidade de transporte (até 100 kg), o mesmo não poderá ser entregue, ainda que seja um pacote que caiba no caminhão, por ter uma dimensão compatível.

Para saber mais

Entenda como o peso cubado é calculado. Saiba como fazer a simulação de frete.